terça-feira, junho 21, 2005

Artemisa Gentileschi

gentileschi
Filha de um pintor Artemisa Gentileschi foi violada no atelier por um aluno do pai. Em 1612 enquanto decorria o processo em tribunal, Artemisa pintou esta Judite a degolar Holofernes- a mais dramática representação deste tema, na história da pintura. Artemisa foi torturada com um instrumento que esmagava os dedos das mãos, comum no séc. XVII para testar a veracidade dos factos, um detector de mentiras doloroso.
S_judith
A Judite de Caravaggio está cuidadosamente afastada do Holofernes para não se sujar de sangue. Puxa-lhe os cabelos com uma mão e com a outra degola-o como se estivesse a tocar harpa. Esta tela foi pintada 14 anos antes da Artemisa.
O tema bíblico Judite e Holofernes faz parte da minha peça Biblioteca das Raparigas para TOXIC, O DISCURSO DO EXCESSO no Hangar K7 na Fundição de Oeiras.
As outras representações de Judite e Holofernes que estou a trabalhar são as de Botticelli, Lucas Cranach e Klimt.

5 comentários:

wiSHEs&HEros disse...

Muito interessante, gostei de ler.

hfm disse...

Na de Caravaggio a criada também é completamente diferente das outras versões conhecidas.
Gostei de rever estes quadros.

alice disse...

sim, em caravaggio a criada é velha com perfil de bruxa, uma velha azeda.

Anónimo disse...

fascinating how when you know the history of the artist and the context in which he/she paints you can feel more. Artemisa hands´with which she painted with were crushed....devastating.
thanks

Sr. Holofernes disse...

Gostavas de ser a Judith aqui?
Sempre vivei fascinado com essa história, com as pinturas que se fizeram sobre o tema. Tentei desenvolver um blog a pensar nisso mas nunca passou dos primórdios, das boas intenções.
Não sei, era só uma ideia, agora que descobri este teu place!