sexta-feira, fevereiro 15, 2008

persépolis


Persepólis da Marjane Satrappi e Vincent Paronnaud no circuito comercial. Estreia para a semana, dia 21 de Fevereiro.

(underworld are dead)

5 comentários:

pandoracomplexa disse...

já vimos durante a mostra de cinema francês e vale mesmo a pena...embora goste muito mais da versão em papel sem os pormenores das texturas e gamas de cinzentos.

Vi já à venda agora cá em portugal num só volume toda a história.

ps. (foi na fnac)

isabel disse...

ALICE!
o underworld é como o punk: "is not dead"

merdinhas disse...

pois é verdade. Já esta semana.

(...is not dead...at all.)

alice disse...

It's not dead!, pois é ! I'm a zombie blog
:)

TheGreatGonzo disse...

Alice. Acreditas que a BD não me entusiasmou? Cheio de lugares comuns de politica correcta. Por ser escrito (desenhado) por uma mulher iraniana não o torna automátiamente bom. Como testemunho tem valor mas para aém disso é inócuo; achei-o beto e burguês à brava. "No Irão há gente normal (á la ocidental)!" - BRAVO! Eu já desconfiava que sim. Gostava que tivesse sido escrito ao invés por um ou uma dos milhões de activistas pró-islâmicos daquela parte do mundo.